FILTRE SUAS NOTÍCIAS POR DEPARTAMENTO

Portos privados pedem menos barreiras para investir no setor

voltar
portos-privados-pedem-menos-barreiras-para-investir-no-setor
Foto: Internet
Dirigentes da Associação de Terminais Portuários Privados (ATP) estiveram reunidos nesta terça-feira (11/12), em Brasília, com o diretor da Secretaria Especial do PPI (Programa de Parcerias de Investimento) na área portuária, Diogo Piloni, que faz parte da equipe de transição do novo governo, para pedir agilidade em pleitos essenciais para o desenvolvimento do setor. Entre eles, os processos das poligonais dos portos organizados e a Declaração de Utilidade Púbica (DUP), instrumento que autoriza a supressão de vegetação de Mata Atlântica em obras de infraestrutura portuária.
 
 
A presidente do Conselho da ATP, Patrícia Lascosque, acrescenta que amarras, como essa, contribuem para um ambiente jurídico instável para o investidor e ameaçam a viabilidade de empreendimentos que já passaram por diversas etapas e exigências legais. 
 
Já em relação aos processos de demarcação das poligonais nos portos organizados do país, a ATP avalia que já foram realizadas todas as audiências públicas, análises técnicas e procedimentos necessários para que os decretos sejam assinados nos próximos três meses, logo no início do novo governo.
 
Segundo os dirigentes da ATP, o diretor Diogo Piloni reconheceu a importância do pleito para os negócios portuários e concordou que não existem mais barreiras para que os decretos das poligonais sejam oficializados pelo novo governo. "A definição das áreas poligonais é essencial para delimitar com precisão o que é área pública e o que é privada, trazendo mais segurança jurídica para os contratos de autorização de terminais privados", reforça o presidente da ATP.
 


Fonte: Agência In Press

  • Imprima
    essa Notícia
  • Faça um
    Comentário
  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Newsletter

Receba as novidades no seu e-mail.