FILTRE SUAS NOTÍCIAS POR DEPARTAMENTO

APTA aumenta em 16% quantidade de análises laboratoriais realizadas em 2018

voltar
apta-aumenta-em16-quantidade-de-analises-laboratoriais-realizadas-em2018
Foto: Internet
A Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, fechou o ano de 2018 com aumento de 16% no número de análises laboratoriais realizadas por suas unidades de pesquisa em relação a 2017.
 
De acordo com dados do Plano Plurianual da APTA, em 2018 foram realizadas 370 mil análises laboratoriais. Em 2017, haviam sido feitas 319.566. Essas análises são
 
 essenciais para aumentar o padrão de qualidade dos processos produtivos e dos produtos obtidos.
 
As unidades de pesquisa da APTA têm 220 procedimentos laboratoriais credenciados no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) ou acreditados na norma internacional ISO 17025, do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), relacionada à qualidade. No biênio 2016/2017, as unidades de pesquisa da APTA realizaram 698 mil análises laboratoriais.
 
Outros resultados
O Plano Plurianual da APTA mostra que os seis Institutos e 11 Polos Regionais de pesquisa ligados à Agência realizaram 1.099 pesquisas no ano, sendo 28,6% delas na área de políticas públicas, 24,9% em hortícolas e agronegócios especiais, 15% em grãos e fibras, 14,8% em desenvolvimento regional, 8,5% em proteína animal, 4,8% em agroexportação e 3,4% em bens de capital e informações.
 
Além disso, o Instituto Agronômico (IAC-APTA) produziu 440 mil quilos de sementes genéticas básicas em 2018, destinadas à multiplicação comercial para o atendimento da demanda dos agricultores. Esses materiais permitem a obtenção de altas produtividades nas lavouras, associadas a ganhos de quantidade e de qualidade na produção final, gerando postos de trabalho e renda.
 
Dos serviços prioritários oferecidos pelas unidades de pesquisa da APTA são destaque a disponibilização diária dos avanços tecnológicos em meio digital, utilizando os sites institucionais, o que dá agilidade à transferência dos resultados de pesquisa para a sociedade e mecanismos para esclarecimento de dúvidas e consultas de informações para tomada de decisão e resolução de problemas específicos diretamente com os pesquisadores especialistas nas diversas áreas do conhecimento.
 
Em 2018, foram realizados 1.300.000 mil atendimentos eletrônicos, 460 mil atendimentos técnicos e 400 mil atendimentos diretos. Ao todo, também foram treinadas 60 mil pessoas.
 


Fonte: Assessoria de Imprensa – APTA

  • Imprima
    essa Notícia
  • Faça um
    Comentário
  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Newsletter

Receba as novidades no seu e-mail.